Dia Nacional da Saúde: dicas para sair do sedentarismo e começar uma rotina de exercícios físicos

A receita para uma vida mais saudável já não é segredo para ninguém. Hábitos alimentares adequados atrelados a práticas diárias de exercícios físicos trazem inúmeros benefícios para o nosso corpo e mente. Entretanto, com a rotina corrida de trabalho, vida social e outras responsabilidades, a prática de atividade física acaba ficando cada vez mais em segundo plano dentro das nossas prioridades.

            Pensando nisso, e em celebrar o Dia Nacional da Saúde, separamos cinco dicas para você que quer transformar sua rotina e fazer da prática de exercícios um hábito diário. Confira!

  • Encontre uma atividade de que você goste

            As Olimpíadas começaram e só provam que o que não falta neste mundo são esportes para todos os tipos de gosto. Encontrar uma prática que você curta vai fazer com que você se sinta motivado a realizá-la com frequência. Pode ser dança, vôlei, corrida, natação, ciclismo e por aí vai. O importante é praticar aquilo que te faça sentir bem com você mesmo.

  • Reserve um período do seu dia para realizar a atividade

            Ok, sua vida até pode ser supercorrida, mas se você consegue encontrar uma brechinha na agenda para encontrar algum amigo ou até maratonar um seriado de que você gosta, por que, então, não separar uma horinha do seu dia para a prática de exercícios? Pode ser dançando em frente à TV com programas do YouTube ou até mesmo fazendo uma caminhada pela cidade. O ideal é estabelecer um horário e um dia da semana fixos para isso.

  • Alimente-se melhor

            Não tem jeito, quando falamos da prática de exercícios físicos, a alimentação acaba sendo um fator fundamental para o bom desenvolvimento do nosso corpo. É claro que dá para se exercitar depois de comer um pratão de feijoada ou de fast-food, mas será que seu corpo estará tão disposto assim depois de uma refeição tão pesada? A dica é descascar mais e desembalar menos, assim seu corpo ficará mais saudável e disposto a alcançar novos limites.

  • Vá com calma

            De que adianta fazer um supertreino pesado se na maior parte do tempo você é uma pessoa sedentária? Ir com calma te ajudará a entender mais sobre os limites do seu corpo e até onde ele consegue chegar. A ideia é que a atividade física seja um momento prazeroso do seu dia. Não precisa ser um momento penoso de ser vivido.

  • Ressignifique o exercício físico

Muitas pessoas ainda acreditam que o único objetivo de mexer o corpo é emagrecer. Já pensou como seria se você fizesse exercícios porque gosta e não porque quer reduzir números na balança? A cobrança seria menor e o resultado, com certeza, mais efetivo. Se você também tem dificuldade de praticar exercícios sozinho, vale chamar algum amigo ou familiar para te acompanhar, assim a prática fica mais gostosa e descontraída.